quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Um filho da puta a mais, um filho da puta a menos...




Diz uma certa piada que, um português, ao descobrir que entre seus cinco filhos, um deles era fruto de uma traição de sua esposa com o vizinho, decepcionado, resolveu abandonar a mulher e vir morar no Brasil. E, junto com ele, resolveu trazer exatamente aquela criança que não era seu filho legítimo. Ao ser indagado pela esposa, porque escolhera exatamente aquele filho, respondeu: "É que no Brasil, um filho da puta a mais, um filho da puta a menos, não faz nenhuma diferença". E ainda dizem que os portugueses são burros...

Vou usar a mesma lógica do português, para justificar a decisão de lula e de tarso genro (sempre escrevo nomes de pessoas minúsculas, com letras idem), de não extraditar o assassino e terrorista italiano cesare battisti. É que no Brasil, um bandido a mais, um bandido a menos, não faz nenhuma diferença. Hoje eles estão nos mais altos escalões da República, instalados nos três "phoderes".

Eu me pergunto: Porque não usaram da mesma medida, para darem abrigo aos atletas cubanos que desertaram da delegação durante o PAN do Rio e pediram abrigo ao país, se eles, sequer, eram bandidos?

Segundo avaliação de "O Globo", à qual assinaria embaixo, "A simpatia de determinados membros do PT por terroristas e ditadores e antiga e conhecida. No entanto, não deixa de ser mais chocante quando esta simpatia é transformada em medidas oficiais do governo, colocando o país numa situação vergonhosa perante a diplomacia internacional".

Apenas para conhecimento dos leitores, o cesare foi condenado na Itália à prisão perpétua, por ter cometido quatro homicídios. A extradição foi recomendada pelo Procurador Geral da República, porém o ministro tarso, ignorou seus argumentos, com a concordância da anta-mor.



Recife - PE
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

nina disse...

Os japas não são todos iguais!
Eu tenho ascendência japonesa sabia?

Brincadeirinha hsuahsua, não sou japa coisa nenhuma, longe disso.
Só para não generalizar dizendo que todos os japas são iguais, há uma diferença entre um japa novo e um japa velho (;

Capítulo 18? Agora o livro começa a entrar mais no estilo aventura/suspense.

trezende disse...

Pois é... Também comentei o assunto hoje.
Abraço!

silvia masc disse...

Uma pena que uma kgda a mais ou uma kgada a menos, faça MUITA diferença.

Quando iniciar o seu curso de gastronomia, conta pra gente quais as suas impressões, e quando fizer um prato legal, fotografe, nos d~e a receita e vamos colocar na Molly.
bjs e um ótimo domingo.

Dentro da Bota disse...

Entao... complicada a questao... aqui fala-se muito... espero que o povo mande o cara para ca....

Ahh... enquanto ao livro, infelizmente nao sei como é possivel compra-lo do Brasil... mas acho que algum site, tipo AMAZON...

Abraços..
Gioconda
Roma

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...