terça-feira, 30 de junho de 2009

Os males da Impunidade


Em outubro de 2008 o empresário Artur Sendas, então dono de uma rede de lojas que leva o seu sobrenome, foi assassinado por seu motorista, negro. Neste mês de junho, menos de um ano após o crime, o assassino foi julgado e condenado e está na cadeia, onde se espera que cumpra sua pena.

Em agosto de 2000, o jornalista Pimenta Neves, assassinou a sangue frio, sua namorada, Sandra Gomide, em sua chácara no município de Ibiúna, em São Paulo. Condenado a 18 anos de prisão em 2008, oito anos após o crime, ainda continua solto e impune. Continua a frequentar seu sítio, a morar num bairro nobre da capital paulista, a frequentar a praia do Guarujá e eventos sociais, em companhia da atual namorada.

Esses dois casos são ícones do fosso representado pelo tratamento que se dá a quem tem dinheiro e a pobres e negros.

E os ícones não deixam de agredir o nosso bom senso, o nosso sentido de ética e de honestidade. O exemplo mais recente é o presidente do Senado Federal, que, a despeito da enxurrada de denúncias feitas contra ele diariamente, se mantém impune e no cargo, de onde "arrota arrogância", contando com o apoio tácito e explícito do presidente da República, que no passado o chamava de ladrão, mas que hoje assemelha-se ao mesmo na prática da "política em proveito próprio", fazendo do país o seu quintal. Os senhores da foto acima, daniel dantas, celso pitta e naji nahas, são fotos vivas dessa impunidade.

Cada um que lê aqui, com certeza conhece ou lembra de casos gritantes de impunidade e a esperança de que um dia esse país se torne sério, se esvai a cada dia, pelo ralo dessa mesma impunidade e omissão.



Recife - PE
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Raphael Rocha Lopes disse...

Agostinho, tento acreditar que pode ser diferente. Mas a cada caso desse, a cada comparação pontual dessas, vejo que realmente estamos muito longe de alcançarmos um mínimo de equilíbrio social verdadeiro.

ceiça disse...

Agostinho antes era só por Deus, mas agora até Ele abandonou a causa.
Vamos ver o que vai dar.
Abração pra ti amigo virtual.

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...