terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Tributo a Arnaud Rodrigues

video


Soube há pouco, da morte de Arnauld Rodrigues, por afogamento, num acidente de barco no estado de Tocantins, hoje fim da tarde, aos 67 anos.

Nos anos 70, o pernambucano de Serra Talhada, cidade onde também nasceu o legendário Lampião, formava, talvez, a melhor dupla de "editor / humorista" do Brasil, com Chico Anysio, no programa Chico City, onde participava como "Paulinho", da banda "Baiano e os Novos Caetanos", numa paródia a Caetano Veloso.

Também destacou-se em 1983, ainda na Globo, na novela das seis, "Pão, pão. Beijo, beijo", estrelada por Cláudio Marzo, onde fez o papel de "Soró".

Atualmente era o "Coronel Totonho" de "A Praça é Nossa", no SBT.

A Arnauld, meus agradecimentos por tantos momentos agradáveis na minha infância/adolescência, do melhor humor, hoje praticamente desaparecido, quando formava com Chico Anysio, a dupla "Baiano e Paulinho", que gravaram músicas que foram sucesso na época e ainda hoje são lembradas, como a do vídeo acima, "É só prá dá um toque", como também "Urubu tá com raiva do boi", "Vou batê pá tu", entre outras.

Vai na paz e "em paz"!


Recife - PE

Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Silvia Masc disse...

Para alguns a csrne desce, mas alma é grande e sobe...

bjs

Buh: disse...

Um dos Mestres do Humor...
Estava refletindo e percebi que infelizmente os melhores humoristas estão falecendo... O fato é que, como todas as coisas do mundo, um dia eles morrem... E infelizmente tbm a geração humoristica de hoje nem se compara a de antigamente. - "[...]do melhor humor, hoje praticamente desaparecido, [...]" -
Ainda bem que nasci a tempo de não só conhecer como prestigiar alguns grandes nomes, como Chico Anysio e e o próprio Arnauld.

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...