quinta-feira, 19 de maio de 2011

Palácio, Palhaços, Paloccis...


Há determinados momentos em que a melhor coisa a se fazer é fingir-se de morto e deixar o barulho passar. Porém isso, além de ser impossível nessas denúncias de enriquecimento inexplicável que caem sobre o ministro antonio palocci, o próprio, juntamente com seu séquito, se encarregam de, com suas ações ou falta delas, dar ainda, mais "pano para as mangas" aos seus opositores. Inclusive, também o "fogo amigo" do próprio partido, de onde partiram as denúncias iniciais, faz o mesmo papel. É aquela velha história de "bandido que denuncia bandido" e assim a banda segue...





O fedor que agora aflora, típico de quando se mexe em "josta", é a denúncia feita pelo COAF - Conselho de Atividades Financeiras, do Ministério da Fazenda, repassada à Polícia Federal é a de que um dos imóveis adquiridos pelo ministro, pelo valor de mais de R$ 7 milhões, de empresa que se encontra sob investigação policial. Essa informação é do conhecimento da Polícia Federal há cerca de 6 meses. E até agora nada fizeram.

É também a Polícia Federal, um orgão aparelhado pelo "petê"?

Vamos acompanhar com especial interesse o desenrolar desses acontecimentos. É notório a lábia do ministro em seu poder de convencimento, quando fala. Mas, com certeza, é alguém a quem não se pode confiar para comprar, por exemplo, um carro usado.



Recife - PE
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...