sexta-feira, 8 de julho de 2011

A rapadura e o Brasil



A presidentA demitiu o ministro ladrão, que passou para o outro lado do balcão e passou a "negociar" quem seria seu substituto, impondo que deveria ser do mesmo partido(?), obviamente. Daí começa o festival de absurdos:

  • O ex-ministro, mesmo com todos os indícios de desonestidade, volta a ser senador e presidente de seu partido;
  • Indica para o cargo o senador blairo maggi, notório desmatador, que responde a processos;
  • O "indicado", por sua vez, condiciona sua aceitação ao cargo, à manutenção do chefe do DNIT, que deveria ter sido exonerado pelo ex-ministro, mas não foi;
  • Esse "chefe do DNIT", por sua vez, vai à imprensa e diz que "apenas cumpria ordens" do "petê", no que se refere ao superfaturamento das obras, que serviu para "pagar a campanha da presidenta", sob ordens, obviamente, do "molusco de 9 dedos";
  • Caso o blairo maggi aceite a indicação, seu suplente, outra excrescência de nossa legislação, um tal de cidinho, que já responde a processos por improbidade, dois deles movidos pela União;
  • Quem manda afinal de contas, nesse governo e nessa presidentA?




Pois é... A rapadura é doce, mas não é mole!

PresidentA, viaje de carro pelas estradas brasileiras, de Norte a Sul e veja, in-loco, o mal que essa roubalheira faz ao país, quebrando veículos, atrasando a entrega de cargas, matando por acidentes de trânsito, elevando o "custo Brasil".

Será que esse país ainda tem jeito? Se conserta?

Se um dia esse país desaparecesse do mapa e fosse encontrado pelos arqueólogos do futuro, enlouqueceriam tentando decifrar-nos.



Recife - PE

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...