terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

A monotonia mata!


Não sei se porque estou "olhando de fora", mas a sensação ao ler as manchetes dos jornais e sites, é a de ler todos os anos a mesma coisa, dia-a-dia do carnaval, como se tudo se repetisse igual aos ponteiros de um relógio que, ao marcar as horas, repetem indefinidamente, a mesma trajetória numa cruel e "imbecilizante" monotonia.

Por motivos de dedicação à preparação de minha monografia de uma pós-graduação, este ano fiz uma opção diferente. Vir a Garanhuns, cidade distante 230 km de Recife, onde acontece anualmente um festival de jazz, que em seu quinto ano reúne jazzistas e bluesistas do Brasil e exterior e tendo oportunidade de ver os shows em praça pública e nas igrejas da cidade, fiquei encantado e com a sensação que "o carnaval pode ser diferente". Sem contar com o "plus" do delicioso clima de serra da chamada "cidade das flores".

Afinal de contas, como o samba, o jazz e o blues são músicas de raízes negras e, portanto, também podem ser "músicas de carnaval".

Estou muito feliz pela opção que fiz e, sinceramente, revendo meus conceitos de folião, doravante. Papo de velho, né?


Garanhuns - PE
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...