sexta-feira, 29 de junho de 2012

Enquanto isso na Roubolândia...



Definição de Justiça, segundo meu dicionário: "Bem intangível, cada vez mais raro e cada vez mais relativizado, num país dominado por corruPTos, cujo povo parece trazer o "vírus da desonestidade" em seu próprio DNA".

Ontem o TSE - Tribunal Superior Eleitoral, um órgão criado para fazer prevalecer a "justiça", contrariando uma própria decisão anteriormente tomada, por 4 votos a favor e 3 contra, liberou a candidatura às próximas eleições, de candidatos com problemas de aprovação de contas, de algum mandato que tenha exercido.


VEJA O PLACAR DA VOTAÇÃO

MINISTROSA FAVORCONTRA
Nancy AndrighiX
Cármen LúciaX
Marco AurélioX
José Antonio Dias ToffoliX
Henrique NevesX
Gilson DippX
Arnaldo VersianiX
(arte UOL)



Mais uma vez, a chamada "justiça" age na contramão de todo e qualquer valor que diga respeito à ética, à moral, à probidade, que devem ser, por princípio, exercidos em sua plenitude, por qualquer homem ou mulher, que se dispõe a "servir à comunidade", através de um cargo público.

Mas o Brasil continua sendo cada vez mais um lugar onde os políticos "se servem", ao invés de "servirem".

Até quando reinará nossa leniência, nossa paralisia, nossa omissão?

Até quando as leis nesse país, deixarão de ser "colchão confortável aos corruPTos", para passar a ser aplicadoras do senso comum de JUSTIÇA?


Recife  - PE



Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...