domingo, 26 de maio de 2013

Brasil: mame-o ou deixe-o!


Quando se vive no Brasil, soa estranho ler na imprensa que o ex-milionário americano, Bernard Madoff, responsável por uma das maiores fraudes financeiras dos EUA e condenado a 150 anos de prisão, aos 75 anos, vive com um salário mensal de US$ 40, correspondentes a R$ 80, trabalhando na penitenciária. Carrega ainda a culpa pelo suicídio de seu filho, após a prisão do pai. Jamais voltará a usufruir de seus iates, de seu apartamento de luxo, avaliado em US$ 7 milhões, de sua casa de praia em Long Island e residências na Flórida e na França.


Soa estranho porque somos obrigados a conviver com condenados à prisão que, além de soltos, ainda zombam e conspiram contra o tribunal que os condenou, a Corte Máxima do país. Se elegem e se reelegem como deputados e tentam legislar contra as instituições que os investigaram.

No Brasil um bandido procurado pela Interpol é deputado eleito pelo povo e continua negando todas as suas falcatruas, inclusive a do dinheiro repatriado esta semana à prefeitura de São Paulo.




Soa estranho ver um dissimulado chefe de quadrilha, arrotando arrogância, embromando e mistificando, já tendo sido presidente desse mesmo Brasil, o cargo máximo da nação.

Seríamos todos nós, brasileiros, também bandidos, quadrilheiros, assassinos e corruPTos?

Quem sabe...


Recife - PE
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...