sábado, 3 de agosto de 2013

Porque hoje é sábado!



Minha alma é periódica
funciona algumas vezes na semana
e é palúdica, tem febre às quintas-feiras.

Tenho também um corpo que, coitado,
a hospeda por dever, mas constrangido.

Alma de fluido feita e de bagaço
e doses de paixões malresolvidas
e orgulho e frustrações,
o diabo a quatro.

Mais de carbono que de oxigênio,
quem pode respirar esta minha alma
que é mais físico-química que o corpo?

Com cuidado mandei analisá-la
e descobriram, encantados, que era feita 
de santidade e feijão, música e merda.


Poemas
Daniel Lima

Recife - PE
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...