quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Quando o "eu" vale mais que o "nós"!


É típico de governos autoritários, explícitos ou não, o "culto ao eu", sem o qual não sobreviveriam. Assim era, por exemplo, com os grandes ditadores como Hitler, Stalin, Mussolini, Brejnev, Fidel, etc.

São figuras que impõem suas "onipresenças" seja através de grandes estátuas, seja através da criação de factóides, da manipulação, da mentira repetida até tornar-se "verdade". Nessa última categoria, figuras execráveis como lula e o falecido chaves por exemplo, são mestres no assunto.

Mas têm aqueles e aquelas a quem falta luz própria e que "fazem tudo o que seu mestre mandar". Nessa categoria está nossa presidentA. Pensando exclusivamente no "eu", fazendo biquinho e cara de choro, cancelou a viagem que faria aos EUA, sentindo-se "ofendida" pela suposta espionagem da qual se diz vítima.
A "estratégia" tem mero fim eleitoreiro. Foi uma imposição de lula, chancelado pelo publicitário joão santana, que espera usar o episódio na campanha eleitoral do ano que vem.

Todos os governos se espionam e o da energúmena não é exceção. Perde a chance de se pronunciar durante a própria visita, sobre o episódio, bem como compromete a assinatura de dezenas de tratados de comércio entre os dois países, essenciais para nossa já combalida Economia.



No fim, apenas lamentar... Lamentar inclusive que o resultado dessa espionagem não se torne público. Quanto lixo teríamos revelado...


Recife - PE
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Sua opinião, sugestão e crítica construtiva, sempre será bem-vinda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...